Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

O Meu País das Maravilhas

Partilhas de uma mãe que adora escrever e mostrar o lado bom da vida!

O Meu País das Maravilhas

Partilhas de uma mãe que adora escrever e mostrar o lado bom da vida!

Diário do Confinamento - Fim da temporada II

A situação aqui na ilha está um pouco melhor, em termos de Covid, e o Governo dos Açores decidiu, que pelo menos nos concelhos que estão melhores (médio risco), os alunos podem regressar às aulas presenciais, excepto no secundário.
Assim, chegou ao fim mais uma temporada de confinamento cá em casa. Quando recebemos esta novidade, ficámos todos felizes 🤗 Para mim foi um alívio e, na verdade, o que precisava agora era de umas férias 🤯

foto conf.jpgIsto do confinamento com teletrabalho e telescola tem mais do que se lhe diga. A pressão é imensa. Acordamos cedo, com as mesmas rotinas e, depois, temos que fazer uma ginástica para conciliar escola e trabalho. Além dos meios logísticos, com materiais informáticos e espaços de trabalho e estudo para dividir, temos prazos e horários para cumprir. 💻

foto conf 2.jpg

A Alice (11anos) adaptou-se muito mais facilmente. Como no primeiro confinamento, cumpriu sempre as aulas on-line, muito independente e responsável. Segundo ela, teve alguns aspectos positivos, como passar mais tempo em casa em família e com o seu amigo Woody, mas as saudades das amigas em certos momentos falavam mais alto. Outra questão que apontou como positiva foi a diminuição da carga horária, apesar dos professores enviarem imensos trabalhos e desafios. Foram todos incansáveis, sempre pelo bem da educação dos nossos filhos, e estão de parabéns! 👏🏻

foto conf 4.jpg

Quanto ao Tomás, o desafio foi muito maior. Com 6 anos e a frequentar o 1.o ano, um ano sem dúvida desafiante. Manter o foco e a motivação dele não foi fácil. Tenho muito a agradecer à professora Leonor, pelo trabalho fantástico que fez com os seus meninos. Sempre com a sua paciência nas aulas on-line e a motivá-los. Nunca deixou de os acompanhar e foi, sem dúvida, objetivo cumprido e bem sucedido. Uma palavra também aos pais que corajosamente acompanharam os seus filhos neste trabalho de paciência. Parabéns às crianças, que deram o seu melhor, dentro das circunstâncias.

O Tomás, teve uns dias mais “solarengos”, outros mais “cinzentos”. Muitas vezes a reclamar para fazer os exercícios, mas com calma tudo se fez.
Quanto a mim, posso dizer que não é a mesma coisa trabalhar em casa e no local de trabalho. A motivação e concentração não é a mesma, e pior ainda com crianças em casa. Há dias muito cansativos mesmo 😓

foto conf 3.jpg

Para mim, mais ainda, (e para muitas mães/pais solteiros com certeza também), sendo que esta última semana estive sozinha sem o Clemente. Mas, claro tudo por um bem maior e o que interessa é que tudo correu bem e estamos saudáveis e seguros.

Agora, com o regresso à escola e ao local de trabalho, estamos todos mais felizes! Por um lado, porque sabemos que a situação Covid está um pouco melhor, e por outro, porque podemos voltar a ver pessoas, a brincar, a “conviver” e trabalhar em equipa (dentro de todas as regras) e voltar a “aprender” como verdadeiras crianças. 🙏🏼❤️