Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O Meu País das Maravilhas

Partilhas de uma mãe que adora escrever e mostrar o lado bom da vida!

O Meu País das Maravilhas

Partilhas de uma mãe que adora escrever e mostrar o lado bom da vida!

Da terra com amor

Há coisas que não têm preço e posso dizer que desde que vivo nos Açores tenho o privilégio de ter em casa todos os dias alimentos colhidos diretamente da natureza. Bananas, pimentas, batatas, abóboras, feijão são alguns dos frutos e legumes produzidos na terra do meu sogro. Plantados com muito amor e fruto de muito suor, ganham outro sabor.

 

14249320_10153922329531134_1459382512_n.jpg

 

Hoje em dia, as pessoas estão acostumadas a fazer as suas compras em grandes superfícies e cada vez mais as frutas e legumes vêm acondicionados de uma forma que até parecem artificiais. Mas, nada melhor e mais saudável que ter à porta produtos de agricultura biológica e, aqui nos Açores, essa ainda se pratica muito felizmente. Há muito o hábito de ter um pequeno quintal em casa ou mesmo um terreno próximo onde podem colher diretamente da terra. Eu sou privilegiada por poder usufruir disso e os meus filhos também!

 

14193788_10153922329536134_184206575_n.jpg

 

Ontem aconteceu um episódio caricato aqui em casa com o Tomás, que com apenas 2 anos decidiu que queria comer um ovo. Chamou o avô, pegou-lhe pela mão apontando para o cesto dos ovos vazio e disse «vô quer ovo». E, como quase todos os avós que adoram fazer as vontades aos seus netos, o avô com toda a sua paciência, levou o T. na sua carrinha e foram ao galinheiro buscar ovos para o pequeno teimoso. Voltou todo sorridente e excitado porque tinha trazido o balde cheio de ovos. Lá cozinhei os ovos mexidos e os miúdos deliciaram-se.

 

14256444_10153922329516134_1597740383_n.jpg

 

Há crianças que nunca tiveram em contato com a terra ou visto de perto animais como galinhas,cabras, vacas ou porcos.Os meus filhos felizmente estão totalmente familiarizados e adoram uma visita à quinta do avô. Colhem as bananas da árvore e comem-nas. Por altura do dia das Bruxas vão escolher a abóbora que gostam mais para decorar e agora, por exemplo, é época de apanhar as pimentas da terra que vão dar origem ao têmpero que os açoreanos utilizam em vários pratos tradicionais. A Alice e o Tomás adoram ajudar o avô a triturar as pimentas e este fica todo feliz por poder partilhar esses momentos com os netinhos!

14248846_10153922329551134_2059588511_n.jpg

 

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.